fbpx

Ultima Atualização: dezembro 15, 2021

Tecnologia e Desenvolvimento de Software

Desenvolvimento de aplicativos: quem deve fazer e por que contratar?

desenvolvimento de aplicativos
Índice
Banner divulgando a Carta do Portfólio do Núcleo de Tecnologia (NCiv). O texto incentiva o download gratuito do documento Carta de Serviços, com botão “Baixe GRÁTIS”. A imagem de um tablet está em segundo plano.

O mercado de criação de aplicativos é um dos mais promissores atualmente. Vários recursos digitais são fundamentais para mapear a ideia de um app até sua concepção.

Questões como plataformas operacionais, objetivo do app, interface do usuário, funcionalidades, público-alvo e design fazem parte do desenvolvimento de aplicativos.

Mas desenvolver uma aplicação que se destaque no mercado exige que a empresa analise vários fatores para que a solução se diferencie das demais do mercado. São muitos desafios encontrados durante o processo, mas eles podem ser contornados.

Pensando nisso, preparamos este texto para que você saiba como é o processo de desenvolvimento de app, quem deve fazer e por que contratar. Continue lendo!

Por que investir no desenvolvimento de aplicativos?

A necessidade de desenvolver um aplicativo para a empresa fica evidente quando se observa alguns dados referentes ao comportamento das pessoas hoje em dia.

Conforme um relatório da Fundação Getúlio Vargas, registrou-se, no Brasil, 424 milhões de dispositivos em uso no ano de 2020.

Nesse mesmo ano, o Panorama Uso de Apps no Brasil apontou que 97% dos usuários já baixaram algum aplicativo de smartphone.

Dessa forma, se você pensar no uso próprio de celulares, percebe-se o quanto ele está baseado na praticidade dos aplicativos instalados.

Seja para a comunicação, compra de itens, pagamento de contas ou até usar um app sobre dieta e exercícios, há de tudo no mercado. Isso coloca o Brasil no terceiro lugar do ranking dos países que passam mais tempo usando aplicações móveis.

Sendo assim, ter seu próprio aplicativo reflete uma presença no setor digital. Isso vai além: trata-se de um modo de a empresa se manter competitiva no mercado.

O desenvolvimento de aplicativos, então, ajuda a otimizar a credibilidade e a imagem do negócio. Afinal, marcar presença no mundo digital demonstra não apenas preocupação em disponibilizar o melhor serviços, mas também aponta que você acompanha as inovações.

Quem pode trabalhar com desenvolvimento de aplicativos?

desenvolvimento de aplicativos

O desenvolvimento de aplicativos envolve várias projeções. Assim, você deve pensar duas vezes antes de decidir quem será o responsável pelo seu projeto.

Existe a possibilidade de você mesmo criar seu app, caso souber linguagem de programação. Mas as linguagens nativas de IOS, Android, Java e Objective-C são as mais difíceis de aprender e as mais utilizadas em aplicações móveis.

Você vai precisar de uma equipe de profissionais que tenham um designer, web designer, arquiteto de softwares, analista de sistemas, desenvolvedor/programador, analista de testes, analista de banco de dados e gerente de projetos ou coordenador.

Em contraponto a isso, há plataformas no mercado que permitem a contratação de freelancers. Mas essa variante não é a mais confiável, uma vez que você não terá controle do trabalho desempenhado por esses profissionais.

Há empresas especializadas no mercado de desenvolvimento de aplicativos. Um exemplo disso é a Poli Júnior, que desenvolve softwares e apps consistentes e que atendem completamente suas necessidades.

Como escolher um profissional na área de apps? 

Agora que você já entende mais sobre como é o desenvolvimento de aplicativos, vamos saber como escolher o profissional exato para o desenvolvimento de sua aplicação.

Tipo de linguagem usada 

desenvolvimento de aplicativos

Há alguns tipos de linguagens que são mais utilizadas que outros modelos no mercado. O Kotlin, por exemplo, foi criado em 2011 pela Jet Brain. O mais legal é que o Kotlin é interoperável e pode ser utilizado em projetos Java.

Ele também é de código aberto, estaticamente tipado, multi paradigma, orientado a objetos e ainda conta com funções de uma linguagem operacional. 

O Swift é o preferido dos aplicativos iOS. Foi lançado pela Apple com o objetivo de facilitar a programação de seus dispositivos, que anteriormente era realizada apenas pelo Objective-C.

Essa linguagem de desenvolvimento de aplicativos conta com a compatibilidade entre os dispositivos da Apple e se beneficia ao máximo do seu hardware. Assim, você pode focar na otimização de funções do seu aplicativo, a fim de melhorar a experiência dos usuários.

O Python surgiu para aperfeiçoar a leitura de códigos e estimular o esforço humano. Por ser espontâneo, sua utilização evoluiu para setores além da programação. Essa linguagem é bastante comum em processos de data Science, machine learning e big data.

Disponibilidade para urgências

Uma outra observação a se fazer antes de escolher o profissional ou empresa correta é saber se esses desenvolvedores cumprem perfeitamente os prazos e o cronograma de trabalho.

É fundamental compreender como eles administram os prazos desde a fase da constituição do orçamento. Afinal, o atendimento disponibilizado pela empresa de desenvolvimento pode ser um reflexo de como se dá sua prestação de serviços.

Algumas organizações acabam concedendo prazos muito apertados para fazer com que sua oferta seja mais atraente, mas é fato que prazos impossíveis podem ser prejudiciais.

Outro ponto a se considerar é quanto à disponibilidade de urgências. Problemas acontecem e contar com uma empresa especializada pronta para solucionar qualquer empecilho é essencial.

Por isso, dialogue com a prestadora de serviço e analise a transparência dessas empresas para com os prazos e urgências. A Poli Júnior garante resultados aliados ao profissionalismo de sempre estar disponível quando qualquer contratempo surgir em suas aplicações.

Experiência com o segmento

Procure por feedback de clientes nas mídias sociais e cheque a reputação da empresa no site “reclame aqui”.

Essa é uma prática que ajuda saber se os desenvolvedores contratados oferecem qualidade, pois ter uma surpresa indesejável durante a execução do desenvolvimento de aplicativos é prejudicial a todo o seu negócio.

Por fim, desconfie de ofertas milagrosas que prometem um super aplicativo por valores bem abaixo dos praticados no mercado.

Tenha o entendimento que criar um app de qualidade custa caro, mas traz várias vantagens para os negócios, sendo um investimento de grande potencial de retorno.

Como a Poli Júnior pode ajudar no desenvolvimento de aplicativos?

A Poli Júnior tem um Núcleo de Tecnologia e Inovação que atua desde a concepção de produtos digitais até o desenvolvimento de softwares personalizados.

Isso proporciona maior centralização de dados, organização de recursos, integração, controle e automatização de atividades para as empresas.

Assim, se você busca otimizar seus processos por meio da transformação digital, você deve conhecer a Poli Júnior.

Somos especialistas em desenvolvimento de aplicativos. Sendo assim, entre em contato com nossos especialistas e saiba como podemos ajudá-lo!

Desenvolvimento de software de publicidade em banner, aplicativo ou site com um gráfico de smartphone e uma pessoa ao lado dele. O texto incentiva a clicar no botão para entrar em contato com nossa equipe de especialistas em tecnologia para atendimento especializado.

Compartilhar

Mais artigos