Plano de Marketing: 3 cuidados na hora de elaborar um

Quando se deseja elaborar ações estratégias para o fortalecimento de uma marca, o plano de marketing acaba sendo lembrado por ser um bom instrumento de direcionamento, se tornando um grande aliado nesse sentido.

Esse direcionamento é pensado de acordo com os objetivos da empresa, tornando mais viável a obtenção de resultados financeiros positivos. Inclusive, temos um ótimo conteúdo sobre aumentar lucros, confira aqui!

Em diversas situações, nem sempre é possível estabelecer o caminho mais adequado que será percorrido até chegar a um determinado objetivo. É exatamente aí que o plano de marketing se torna um instrumento muito importante.

Além de ajudar o negócio a seguir o melhor caminho, auxilia a eliminar possíveis obstáculos que podem dificultar o ganho de resultados melhores.

Mesmo sendo um mecanismo extremamente importante, nem sempre as empresas estão preparadas para elaborar um plano de marketing, havendo uma série de dúvidas sobre o assunto que dificultam a criação.

Por causa disso, explicaremos melhor o assunto, tirando dúvidas recorrentes para ajudar você a elaborar o plano de marketing da sua empresa de uma vez por todas.

Boa leitura!

Primeiramente, o que é um plano de marketing?

O plano de marketing pode ser definido como um documento que reúne o planejamento necessário para facilitar a execução das estratégias de marketing.

Todas as informações necessárias, incluindo os indicadores, análises e objetivos fazem parte do documento.

Desta maneira, as metas e objetivos acabam ficando mais estruturados, prevendo e estimando quais serão as melhores estratégias para o negócio chegar ao resultado esperado, ou melhor, atingir um determinado objetivo.

Embora as empresas geralmente utilizem o plano de marketing de forma anual para definir os melhores caminhos que serão percorridos durante o ano, o plano também é elaborado em outras situações. Sendo utilizado por todas as áreas de marketing.

Com isso, ele também pode ser cogitado para campanhas específicas, estratégias em geral (Marketing de Relacionamento, por exemplo) e produtos ou serviços oferecidos pela marca. 

Por proporcionar um mapeamento eficaz do mercado, bem como do público-alvo e posicionamento do negócio, o plano de marketing é um poderoso aliado dos gestores.

É possível definir, como exemplo, as ferramentas que serão necessárias para chegar ao objetivo. Além de estabelecer prazos realistas para chegar ao resultado de forma responsável e coerente.

Por que devo fazer um plano de marketing?

Fazer um plano de marketing é importante para ajudar a otimizar o seu investimento. Ele evita que ideias soltas atrapalhem a obtenção dos resultados desejados.

Como foi falado anteriormente, esse instrumento serve para ajudar no direcionamento das ações de forma ampla. Ou seja, é um guia para toda a equipe chegar ao objetivo dentro de um prazo estipulado.

Incrível, não é verdade? Mas não para por aí. O plano de marketing também é importante pois:

  • Permite uma melhor tomada de decisão a partir de informações, análises e pesquisas;
  • Facilita uma visão mais ampla sobre a estratégia;
  • Consegue chegar ao objetivo da melhor forma, definindo como as ações serão feitas, por quais meios e com quais gastos;
  • Deixa a comunicação interna da empresa mais fácil, bem como a integração das equipes;
  • Possibilita a geração de resultados em um curto, médio ou longo espaço de tempo;

Se você vai, por exemplo, lançar um novo produto no mercado, o plano de marketing vai conseguir ajudar na definição das melhores estratégias.

Seja promovendo um evento online ou off-line, fazendo promoções pagas nos canais digitais ou até mesmo apresentando um webinar.

As possibilidades são muitas, tornando o mecanismo um importante instrumento para facilitar esse processo.

Quais cuidados devo ter no momento de elaboração do plano de marketing?

Para um plano de marketing dar os resultados esperados, alguns itens fundamentais precisam ser levados em consideração. É muito importante respeitar cada uma das etapas para não haver problemas posteriormente.

Além disso, é crucial conhecer bem a organização antes de iniciar a elaboração do plano. Fica muito mais difícil realizar um plano de marketing sem conhecer a realidade do negócio, não é mesmo?

Questões como missão, visão e valores da empresa são outras questões importantes que precisam fazer parte de todo o processo.

Tendo isso em mente, preste muita atenção nos seguintes pontos:

#01. Analise o segmento em que a empresa está inserida

Você já parou para imaginar o quanto é necessário saber a real situação da sua empresa no mercado em que ela está inserida?

Pois bem, por mais óbvio que pareça, nem todo mundo sabe informar dados importantes sobre a empresa, como os fatores que influenciam esse mercado, ou como os clientes estão abraçando os produtos ou serviços do segmento.

Fazer uma análise externa é extremamente recomendado antes de iniciar a elaboração de um plano de marketing. Fatores econômicos, socioculturais, políticos e legais vão ajudar bastante nesse sentido.

Além disso, não deixe de olhar para o lado, buscando sempre compreender onde a concorrência está acertando ou errando. Afinal, você não vai querer repetir os mesmos erros, não é verdade?

#02. Não deixe de determinar as metas e objetivos

Outra questão extremamente relevante consiste em determinar as metas e objetivos que deverão ser alcançados. Sem isso, fica muito difícil estabelecer um cronograma de ações.

Lembre-se que metas e objetivos não representam a mesma coisa. Caso você não saiba a diferença entre os dois conceitos, basta imaginar que as metas são os passos, com prazos estabelecidos, necessários para chegar ao objetivo.

É fundamental determinar alguns prazos durante o plano de marketing. Eles ajudam a evitar que atrasos atrapalhem o andamento de todo o processo, além de organizar melhor as ações.

#03. Envolva seus colaboradores

Se você deseja ter um plano de marketing eficaz, não deixe de ouvir os seus colaboradores. Eles conhecem o dia a dia da empresa de forma abrangente, conhecendo perfeitamente a realidade dela.

Desta forma, é importante que os funcionários participem da elaboração do plano. Em muitos casos, quando há essa participação efetiva, os colaboradores costumam ficar mais motivados, desempenhando papéis fundamentais durante o caminho que será percorrido.

Não pense que envolver somente a equipe do marketing será suficiente. Os demais setores conseguem contribuir, e muito, durante o processo. Por exemplo, o time comercial vai poder ajudar na criação de estratégias que melhorem os números de vendas e faturamentos. Enquanto o atendimento, por sua vez, vai conseguir trazer um panorama melhor das opiniões ou até mesmo das dificuldades que os consumidores estão enfrentando para concluir uma compra.

O que eu vou precisar para fazer um plano de marketing?

Para um plano de marketing ser elaborado da forma correta, você vai precisar seguir algumas etapas importantes:

  • Realizar uma pesquisa de mercado;
  • Pesquisar quem são seus clientes (e personas);
  • Fazer uma análise da concorrência;
  • Definir e detalhar uma estratégia que será pensada de acordo com as informações analisadas;
  • Elaborar um cronograma de ações com metas e objetivos;
  • Aplicar as ações;
  • Monitorar e analisar os resultados;

Sabendo que estamos inseridos em um mercado cada vez mais competitivo, muitas empresas realizam a pesquisa de mercado, a elaboração de persona e uma análise da concorrência de forma constante. Caso esse não seja o seu caso, saiba que por mais que pareça complicado, há uma série de fatores que podem ser pensados para facilitar esse processo. Se houver dificuldades ou dúvidas, não hesite em buscar ajuda profissional.

Gostou desse conteúdo? Saiba que o nosso blog está recheado com muitos outros conteúdos interessantes para ajudar você a potencializar o seu negócio. Para aprender muito mais, basta dar um clique aqui!

Compartilhe esse post
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Posts relacionados