Projeto Gerdau

Gabriel Augusto, Allan Gomes,Paula Daniela, Benny Lewi, Felipe Medeiros e Yuichi Tokumot

A Poli Júnior trabalhou com o Projeto Gerdau buscando solucionar e identificar possíveis gargalos que impediam dos processos serem trabalhados de forma eficaz!

O Problema

A empresa Gerdau é uma siderúrgica multinacional, sendo destaque nacional no setor de aços longos, estando presentes em quase todos os setores do cotidiano do brasileiro, desde área automotiva até itens domésticos. A unidade de Cotia produz uma grande diversidade de produtos, variando tanto no tamanho quanto na especificidade química dos produtos, fazendo com que os processos se tornem complexos e sujeitos a gargalos.

O Projeto Gerdau surgiu com o intuito de identificar os gargalos presentes nos processos e para isso foi utilizado um tipo de mapeamento chamado Value Stream Mapping (VSM) ou Mapeamento de Fluxo de Valor (MFV), uma forma bem completa de entendimento dos problemas pertencentes a cultura Lean Manufacturing.

A Solução

Após análises profundas da equipe e entendimento do estado atual, foi criado –  junto ao cliente – soluções personalizadas junto a um estado futuro em que os produtos poderiam estar prontos em cerca de 30% dos valores anteriores e custos operacionais anuais diminuíram significativamente.  Além disso, tornou-se possível começar uma cultura Lean Manufacturing, algo muito valorizado no mercado atual.

Os Resultados

Foi um trabalho em conjunto, solucionamento o problema foco, oferecendo ideias personalizadas atuando diretamente em ações que podem ser utilizadas futuramente de maneira promissora!